Fim de semana no friozinho de Campos do Jordão!

Portal de entrada de Campos do Jordão
Portal de entrada de Campos do Jordão

Oi, Pessoal!

Mais uma semaninha de férias e dessa vez escolhi descansar em São Paulo! Decidi encarar o frio do mês de junho em Campos do Jordão e na capital. Irei descrever essa minha viagem em dois posts, sendo este sobre a linda Campos do Jordão e o seguinte sobre a capital paulista.

Pela primeira vez, começo uma postagem sem um cartão postal! Pois acreditem, não encontrei nenhum postalzinho para comprar! Isso mostra que a tradição de enviar cartão postal está se acabando! É uma pena, pois eu acho muito legal enviar e receber cartões postais!! Espero que o “Postais pelo Mundo” contribua para manter viva esta tradição!

A viagem de ida para Campos do Jordão foi mais longa e mais emocionante que imaginei. Após tranquilas três horas de voo (Gol), saí de Maceió e cheguei ao aeroporto de Guarulhos, porém tive a péssima ideia de pegar o ônibus da Gol para o aeroporto de Congonhas. Esqueci que o trânsito é caótico às sextas. Resultado: atraso de mais de meia hora para a chegada do ônibus e duas horas para chegar ao aeroporto de Congonhas. Mesmo chegando às 19:00 na casa da minha amiga, resolvemos pegar a estrada rumo a Campos, enfrentando os 170km que separam nosso destino e a capital paulista. A estrada estava muito boa (fomos pela rodovia Presidente Dutra), saímos de São Paulo às 21:00 e chegamos a Campos por volta de 00:30. Porém, devido à desatualização do Google Maps, nos perdemos de uma forma impressionante!! Acabamos chegando ao sítio da minha amiga às 2 da manhã! Isso porque ele fica distante do centro apenas 6km! Foi uma aventura e, confesso que tive muito medo! Ficamos rodando por umas trilhas no meio do nada, sem uma viva alma! Tivemos a companhia apenas de um cachorro que nos acompanhou desde o momento que começamos a nos perder, até a chegada ao sítio! Foi nosso “cão da guarda”! Só nos achamos depois que chegamos a uma Hípica e o dono (de pijamas) nos indicou o caminho e avisou que em Campos do Jordão é melhor usar o Waze, pois o Google Maps estava desatualizado. Acionamos o Waze que nos levou direto e rapidamente para o nosso destino final: Sítio do Vovô(01), no bairro Descansópolis (quer lugar melhor para férias?!)! #ficaadica

Fabi e eu colocando o pé na estrada! Partiu, Campos do Jordão!
Fabi e eu colocando o pé na estrada! Partiu, Campos do Jordão!

Apesar do sufoco da chegada, valeu a pena ter ido na sexta a noite, pois ficamos com o fim de semana inteiro para aproveitar a cidade, focando no centrinho, já que dois dias não são suficientes para explorar toda a região que oferece diversas opções de lazer, incluindo passeios pela Serra da Mantiqueira, pela Pedra do Baú, dentre outros lugares que pretendo conhecer em outra ocasião. Aproveitamos o curto período para visitar museus, passear pela região e provar as cervejas e as comidas da região.

MUSEUS

  • Museu Felícia Leirner (02)- trata-se de um lindo museu a céu aberto com diversas obras da escultora polonesa Felícia Leirner (já falecida). O museu é do Governo do Estado de São Paulo e entrada é gratuita.

Escultura Museu Felicia Leirner

Escultura Museu Felicia Leirner

Museu Felícia Leirner

Museu Felícia Leirner

  • Auditório Cláudio Santoro (03) –  fica ao lado do Museu Felícia Leirner e sedia os espetáculos de música clássica do Festival de Inverno de Campos. A visitação é gratuita.

Auditório Cláudio Santoro

Auditório Cláudio Santoro

  • Palácio Boa Vista (04)– construído em 1964, hoje é a residência de veraneio do Governador de São Paulo, mas também funciona como museu. Fica cerca de 2km do museu Felícia Leirner e seu horário de funcionamento é: 10:00-12:00 e 14:00-17:00. A entrada é gratuita. Eles formam grupos de 25 pessoas para fazer a visita guiada, que dura cerca de 30minutos, por isso a pessoa deve estar preparada para enfrentar fila. Aproveitamos o tempo na fila para provar a cerveja Campos do Jordão! Durante a visita, passamos por uma exposição temporária de quadros de artistas brasileiros do século XX, e conhecemos algumas dependências do palácio, com exceção dos quartos usados pelo governador e por sua família. Não pode tirar fotos e as bolsas, celulares e tablets devem ser guardados nos armários da entrada.
Palácio Boa Vista - residência de veraneio do governador de SP
Palácio Boa Vista – residência de veraneio do governador de SP
Provando a cerveja Campos do Jordão na fila do Palácio Boa Vista
Provando a cerveja Campos do Jordão na fila do Palácio Boa Vista

PASSEIOS

  • Vila Capivari (05) – bairro que fica movimentadíssimo no inverno, principalmente pela rua Doutor Djalma Forjaz, pela avenida Macedo Soares e pela Praça São Benedito. São várias lojas, galerias de arte, praças, diversos restaurantes, bares e cafés, além da feirinha do artesanato. Conseguimos estacionar na rua, na Zona Azul (R$2,00/hora). Nela você paga à pessoa com o colete do Zona Azul e ela entrega um boleto para colocar em cima do painel do carro. Demos sorte, pois aos fins de semana, a cidade está muito cheia e é bem difícil encontrar uma vaga na rua, restando os caríssimos estacionamentos privados.
"Centrinho" de Capivari
“Centrinho” de Capivari
  • Teleférico para o Morro do Elefante (06)- o acesso fica próximo à Praça São Benedito (Capivari). Quando chegamos, a venda de bilhetes (R$15 por pessoa) estava encerrada, já que eles encerram às 17:00. Acabamos subindo o morro de carro, fazendo uma parada para ver o visual do mirante. A vista é muito bonita, mas não é um passeio imperdível.

A cidade de Campos do Jordão vista do alto do Morro dos Elefantes

A cidade de Campos do Jordão vista do alto do Morro do Elefante

  • Passeio a cavalo a região onde ficamos hospedadas, perto do Horto Florestal, é ideal para passeios a cavalo, e foi a programação que escolhemos para o domingo de manhã. Após muito procurar local para alugar um bom cavalo, tentando, inclusive no Rancho Santo Antônio (07) (maravilhosa estrutura para passeios a cavalo, de bicicletas -bikes de Mountain Bike muito boas- além de tirolesa), acabamos alugando os cavalinhos (meio pangarés, mas deram conta!) do senhor Oliveira, que fica junto à ponte próxima ao restaurante Gato Gordo (08). Ele cobra R$50 a hora do cavalo e vai junto como guia. Foi muito divertido e recomendo muito. Apesar de que, se encontrarem cavalos melhores, acho mais recomendável. Os do Rancho Santo Antônio são muito bons, mas a fila de espera estava gigante e só estavam fazendo passeios de 20minutos (R$45). Os de 1hora (R$80) Estavam suspensos por causa da longa lista de espera.
Passeio a cavalo pelo entorno do Sítio do Vovô (Descansópolis)
Passeio a cavalo pelo entorno do Sítio do Vovô (Descansópolis)

RESTAURANTES E CERVEJARIAS

  • Cervejaria Baden Baden (09)– é uma das atrações mais badaladas da cidade, oferecendo um tour (R$15) para conhecer o processo de fabricação da cerveja e demais informações sobre ela. Não conseguimos fazer o tour, pois a lista de espera estava lotada e só tinha vaga para segunda-feira. A reserva tem que ser feita, por telefone ou por e-mail, com uma antecedência maior que 24hs. Se chegar lá sem reserva, tem a opção de entrar na lista de espera, mas só para o tour da hora seguinte e essa lista tem um limite de 30 pessoas. Muitas exigências! Recomendo que a visitação seja feita durante a semana, pois aos fins de semana é sempre lotado.

    Cervejaria Baden Baden
    Cervejaria Baden Baden
  • Restaurante San Giovani (10)- achamos a indicação deste restaurante no Google como uma opção boa e com um bom custo beneficio, e foi realmente o que encontramos! Seu cardápio é tradicional, mas variado: massas, carnes, frango, peixe (truta, principalmente) e feijoada. Optamos pelo prato executivo, extremamente bem servido! O preço realmente destoa da média da cidade, conhecida pelos altos preços. O meu executivo de frango saiu por R$18,90 e o da Fabi, de contra-filé, por R$23,90. End.: Avenida Doutor Januario Miraglia, 2458 – Jaguaribe.
  • Bar Chivas (11)–  em meio aos badalados restaurantes/ bares do Capivari, o bar possui música ao vivo e aquecedores para o frio. Quando passamos no fim de tarde, era o mais animado, por isso paramos para tomar uma cerveja e nos aquecer um pouco. Um alternativa para quem não pretende esperar na fila para arrumar uma mesa no famoso Bar da Baden Baden (12). End.: Av. Dr. Djalma Forjaz.

    Cervejinha no Bar Chivas
    Cervejinha no Bar Chivas
  • Caras de Malte Microcervejaria (13)– oferece um ambiente super agradável, cardápio muito criativo, ótimo atendimento e cervejas deliciosas. Não comemos, mas os pratos que vi me passaram uma ótima impressão! Pedimos o menu degustação que vem com as cinco cervejas produzidas por eles, em copos de 120ml: Antimatéria (sabor adocicado, baixa acidez, coloração vermelha e colarinho cremoso); Supernova (IPA – America); Estelar (cereais do Malte Pilsen com notas florais e colarinho cremoso); Buraco Negro (sabor do malte encrementado com chocolate, caramelo e café) e Nebulosa (cerveja frutada). End.: Pedro Paulo, 1500. Estrada do Horto Florestal.

    Menu degustação de cervejas Caras de Malte
    Menu degustação de cervejas Caras de Malte
  • Restaurante Krokodillo (14)– restaurante bem amplo, com boa música ao vivo (couvert artístico R$6.00) e cardápio variado, incluindo carnes de javali e de crocodilo. Optamos pelo rodízio de fondue (R$69,90) e foi uma ótima escolha! Estava uma delicia e bastante variado: carne, frango, linguiça, coração de galinha, brócolis, couve-flor, cenourinha e pão. O queijo derretido estava divino, assim como a calda de chocolate do fondue de sobremesa para comer com frutas (banana, maçã, uva, morango e mamão). O único problema que achei foi que não aceitam cartão e não tinham avisado antes, o atendimento também não foi dos melhores. Sorte que não estávamos desprevenidas. End.: Av. Sen. Roberto Simonsen, 1350 – Vila Capivari.

    Rodízio de fondue Krokodillo
    Rodízio de fondue Krokodillo
Sobremesa do rodízio de fondue do Krokodillo
Sobremesa do rodízio de fondue do Krokodillo

Fechamos esse maravilhoso fim de semana com um almoço em família (não a minha, mas uma bem legal que nos acolheu com muito carinho) no Sítio do Vovô. Fiquei com gostinho de quero mais!

"Família" reunida para o almoço de despedida!
“Família” reunida para o almoço de despedida!

mapa Campos do Jordão com marcações

SITES ÚTEIS:

http://www.camposdojordao.com.br

http://www.museufelicialeirner.org.br

http://www.palacioboavista.com.br

http://www.badenbaden.com.br/microcervejaria/badenbadentour

http://www.carasdemalte.com.br

http://www.aventuranorancho.com.br

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s