Um pouco da Região dos Lagos – Rio de Janeiro

Olá, pessoal!

Olha eu no Rio outra vez! Essa é minha segunda terra! Esse ano resolvi, mais uma vez, comemorar meu aniversário em terras cariocas! Foi apenas uma semana, mas consegui rever os familiares e os amigos, e “turistar” um pouco! Aproveitei para passear um pouco (apenas dois dias) pela “Região dos Lagos”, como é conhecida a região da Costa do Sol, na Mesorregião das Baixadas Litorâneas do Rio do Janeiro, que abrange as seguintes cidades: Araruama, Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Iguaba Grande, São Pedro da Aldeia e Saquarema.

 

Araruama

Nossa base na Região dos Lagos foi Araruama, na casa do meu tio Sérgio. Como éramos seis, nos dividimos, indo uma parte de carro e outra de ônibus. Carina e eu decidimos pegar o ônibus da Viação 1001, que sai com bastante frequência da rodoviária Novo Rio, chegando em um pouco mais de duas horas à rodoviária de Araruama. A viagem foi super tranquila e o ônibus é muito confortável. Chegamos à rodoviária no Rio e compramos a passagem no primeiro ônibus que tinha, pagando R$41,63. Mas depois descobri que era o mais demorado, por causa do trajeto. O mais rápido, que custa R$42,73, é uma hora mais rápido, por isso é bom consultar o site antes para saber o melhor horário.

Feriado em família em Araruama
Búzios

Na primeira noite, fomos jantar em Búzios (Armação dos Búzios), distante cerca de uma hora de Araruama. Eu já conhecia a cidade, mas havia esquecido como a estrada é ruim, pois é muito escura e pouco sinalizada. Não recomendo pegar essa estrada à noite. Mas, deu tudo certo! Demos uma volta pela charmosa “Rua das Pedras” e fomos comer na creperia Chez Michou. O lugar é legal e a comida veio rapidamente, mas não gostei do atendimento e também achei estranho não aceitarem cartão. O crepe é uma delícia e o preço é bem justo! Achei muito legal a preparação do crepe, pois é feita na frente dos clientes.

Chez Michou – Búzios
Preparo dos crepes no Chez Michou – Búzios
Arraial do Cabo

Eu estava ansiosa para fazer o passeio de barco pelas praias de Arraial do Cabo! Já havia feito a reserva com a Arraial do Cabo Oficial, que conheci através do Instagram. Tratei tudo com o guia Fábio, que estava me esperando na agência em Arraial e nos encaminhou até o restante do grupo que estava no cais da Praia dos Anjos. Fiquei impressionada como o cais estava cheio de turistas! Lá, pagamos a taxa de R$5,00 na bilheteria (idosos não pagam) e o valor do passeio (R$50,00) ao responsável por nossa escuna. O passeio dura cerca de 4 horas em uma escuna com capacidade para 70 pessoas, mas que, por segurança, leva até 40 pessoas. A água durante o passeio está inclusa no pacote, mas eles vendem ainda refrigerantes, caipirinhas e churrasquinhos dentro do barco.

Portal de Arraial do Cabo
Barcos no cais da Praia dos Anjos em Arraial do Cabo
Bilheteria da taxa do passeio
Família (inclusive o cachorrinho Max) pronta para o passeio de barco
Já na escuna!

O roteiro do passeio foi o seguinte:

  • Ilha do Farol – foi a primeira parada e foi minha praia favorita, pois, por não ser de fácil acesso, não fica muito lotada. Fiquei impressionada com a transparência da água! Já estava achando linda em alto mar, mas na praia ela fica mais bonita ainda! O barco pára um pouco afastado da praia e o bote leva e trás os passageiros até a areia, onde ficamos por cerca de trinta minutos.
Bote para a praia
Praia do Forno
  • Gruta Azul – não é uma parada. O barco passa na frente e fica um pouco parado para tirarmos fotos. Fiquei com vontade de entrar para ver o que tem dentro da gruta!
Gruta Azul
  • Fenda de Nossa Senhora – é uma fenda, entre as imensas pedras, com uma imagem de Nossa Senhora entre elas. Também não é uma parada, apenas um local para fotos.
Fenda de Nossa Senhora
  • Pedra do Macaco – outro local para fotos é essa pedra que dizem ter o formato de uma cabeça de macaco. Tudo é questão de ponto de vista e de criatividade! hahah!
Pedra do Macaco
  • Prainhas do Pontal do Atalaia – em todos os blogs, o que eu mais via era a foto dessa praia, com a sua famosa escadaria. Apesar de termos apenas 30 minutos nessa praia, fomos rapidinho tirar fotos na escada. Essa praia é bem mais cheia, já que o acesso é mais fácil que as demais do passeio. O obstáculo é “apenas” a escada com suas dezenas de degraus! Mas, como a praia da Ilha do Farol, a água é transparente e bem gelada!
Família no Pontal do Atalaia
Prainhas do Pontal do Atalaia
Admirando as prainhas do Pontal do Atalaia
A famosa escadaria do Pontal do Atalaia
  • Praia do Forno – essa última parada não foi bem na praia, mas no meio do mar, perto de umas rochas para que o pessoal mergulhasse com o snorkel. Confesso que fiquei com vontade de ir até a praia, pois aparentava ser muito linda. Apesar de não mergulhar, consegui ver uma tartaruguinha, a qual não foi a primeira que vi pelo passeio.
Minha mãe e o ponto de mergulho na Praia do Forno
Praia do Forno

O passeio foi uma delícia! Só alerto àqueles que não ficam muito confortáveis em alto mar, que tem um pouco de emoção, pois, em alguns pedaços, as ondas são bem grandes. Confesso que gosto dessa emoção. Mas a escuna era bastante segura e tinha colete salva-vidas para todos!

Fiquei com gostinho de quero mais e já pretendo voltar para aproveitar melhor as praias e para fazer as trilhas por Arraial do Cabo!

Cabo Frio

Fechando o breve tour pela Região dos Lagos, chegou a vez de Cabo Frio! Também já conhecia a cidade, que fica ao lado de Arraial do Cabo e tem uma estrutura bem melhor, por isso resolvemos almoçar por lá depois do passeio de barco. Passeamos de carro pela orla da Praia do Forte, com sua imensa faixa de areia branca, contrastando com o azul da água.

Praia do Forte – Cabo Frio

Fomos almoçar no Boulevard do Canal, que possui diversos restaurantes, além de um calçadão belíssimo que estava me chamando para uma pedalada. Não deu dessa vez, mas voltarei para isso! Almoçamos no restaurante Tia Maluca, o qual possui um cardápio bastante variado. Como toda área turística, os preços são um pouco salgados, mas alguns pratos são bem servidos e valem a pena, como o frango a parmegiana que pedi.

Frango à parmegiana do Tia Maluca

Como viram, conseguimos fazer bastante coisa em dois dias! Mas, para os que nunca foram pra essa região, sugiro que reservem mais dias, pois Búzios e Cabo Frio, merecem alguns diazinhos para curtir as belíssimas praias!

Até a próxima!

5 comentários

  1. Adorei o passeio em familia para Araruama e Arraial do Cabo.Como a Rafa disse devemos passar mais dias na Região dos Lagos para aproveitar mais as lindas praias.
    Ótimas dicas !Ao lado do Restaurante Tia Maluca temos uma sorveteria com sabores deliciosos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s